Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Não te movas # 1

© Sérgio Aires, em 02.11.09

Autoria e outros dados (tags, etc)


5 comentários

Sem imagem de perfil

De Margarida a 02.11.2009 às 12:47

Não te movas até ouvires tudo.
O que ínterrompeu a melodia que te agitava o coração foi a notícia do sangue.
O quarto sossegado na penumbra, o cálice de Xerez a lançar doirados nos teus olhos saudosos, tudo se susteve quando a voz acendeu o rubi do rio na arena.
Não te movas até deixares de respirar.
Até te juntares a ele, para o beijar.

Comentar post



Sérgio Aires

foto do autor